02/01/2009

jardim verdade




carrego uma história como pedra bíblica. calo-a. endureço para não lhe sucumbir

a história vem sempre, longe ou cedo, à tona da vida. não me cabe a mim decidir quando

não me cabe a mim decidir nada para além da minha forma de viver

condicionada ou não pelos deuses ou os astros, será minha a última palavra

- peso-drama o de ser livre. peso-pluma o de sentir a Liberdade -



WaterLilyPad at extension.iastate.edu.


jardim verdade o que nascerá dos meus lábios cerrados

- água e flores a iluminar dias chuvosos. como o de hoje é -

vale a pela calar. vivendo apenas. vale a pena Ser. calando. em paz.

8 comentários:

Miguel Barroso disse...

especialmente em paz



Abraços d´ASSIMETRIA DO PERFEITO

Lmatta disse...

gostei
um Bom Ano 2009
beijos

claras manhãs disse...

A Liberdade inividual, é o maior bem que se pode ter.
Impossível abdicar dela, desde que nos é dada a consciência dela(pensando naqueles que nem conhecem o conceito).
Jamais abdicar.

Beijinho

della-porther disse...

O mistério dos dias da vida não o sabemos. A liberdade é como o vivermos e a verdade é uma semente.
Seu texto desvenda o mistério.

beijos

della

Lumife disse...

Visitando os meus amigos/as que guardo no coração e desejando-lhes tudo de bom em 2009.

Bjs

Madalena disse...

Obrigada amigos que não foram de férias. devemos ter sido dos poucos LOL

Viva a crise que, em Portugal, não há.

Para começar bem 2009, aí temos os Judeus armados em Alemães.

Caramba, nunca se aprende nem com o quase extermínio???.

Bjs

aDesenhar disse...

Make
Love
Not
War

:-)
bjs madrinha

gabriela rocha martins disse...

terá sido o novo ano que te deu esta enorme capacidade de renovares

a ESCRITA?


.
um beijo